Riscos da cirurgia de Tireoide!

ūüďĆ A cirurgia da tireoide tem, al√©m dos riscos de qualquer procedimento cir√ļrgico, tr√™s riscos espec√≠ficos:


‚ě°ÔłŹ Sangramento ou hematoma: ocorrer sangramento durante a cirurgia da tireoide √© extremamente raro. Mas at√© 12 / 24 horas ap√≥s o procedimento, algum dos vasos ligados durante a cirurgia pode se abrir e gerar um hematoma no pesco√ßo. Esse risco √© baixo, em torno de 2 a 3% dos casos, mas pode ser preciso reoperar se o hematoma comprimir a traqueia e dificultar a respira√ß√£o;


‚ě°ÔłŹ Perda da voz ou rouquid√£o: os nervos que movimentam as cordas vocais passam logo atr√°s da gl√Ęndula tireoide e podem ser "machucados" durante a cirurgia. Com isso, a pessoa pode ficar com a voz rouca ou soprosa. Pode ocorrer em at√© 2% das cirurgias e ser uma complica√ß√£o definitiva. A corre√ß√£o nesses casos √© mais complexa, necessitando novos procedimentos cir√ļrgicos;


‚ě°ÔłŹ Baixar o C√°lcio no sangue: as gl√Ęndulas paratireoides que ajudam o organismo a regular o c√°lcio no sangue ficam atr√°s da gl√Ęndula tireoide. Elas tamb√©m podem ser "machucadas" na cirurgia, fazendo com que a quantidade de c√°lcio no sangue baixe. O paciente deve, ent√£o, repor esse c√°lcio na forma de comprimidos tomados todos os dias. A incid√™ncia dessa complica√ß√£o pode chegar at√© 50% dos casos. Felizmente, na maior parte deles, √© uma complica√ß√£o tempor√°ria.


Para mais informa√ß√Ķes, entre em contato conosco.